Asp.Net

Existem duas plataformas para quem deseja hospedar um site, Windows e Linux. É no Windows que se utiliza o ASP, ou ASP.Net, como se diz hoje. Embora seja denominado de linguagem, o ASP representa um tipo de estruturação da informação como uma biblioteca, que “traduz” para os navegadores os diversos tipos de comandos enviados aos servidores, que os repassam ao cliente, através do navegador.
Para o artigo completo em Asp.Net ...

Mostrar filtro
Filtros de hospedagem
Host Me Host Filter

Sistema operacional

Espaço em disco

Memoria RAM

Tipo de disco

Núcleos de CPU

Ordenar

Pontuação - 9
A2hosting Logo
A2hosting

A2hosting

Lite
$3.92 /Por mês

50 Cupons

Locais do servidor


A2hosting Servers in AmsterdamPaíses Baixos A2hosting Servers in MichiganEstados Unidos A2hosting Servers in SingaporeCingapura
Comparar
Pontuação - 9.3
Inter Server Logo
Inter Server

Inter Server

Windows
$5 /Por mês

50 Cupons

Locais do servidor


Inter Server Servers in SecaucusEstados Unidos
Comparar
Pontuação - 9.3
Inter Server Logo
Inter Server

Inter Server

Standard
$5 /Por mês

50 Cupons

Locais do servidor


Inter Server Servers in SecaucusEstados Unidos
Comparar
Pontuação - 8.4
Agility Hoster Logo
Agility Hoster

Agility Hoster

Personal Hosting Plan
$5 /Por mês


Locais do servidor


Agility Hoster Servers in GermanyAlemanha
Comparar
Trust Pilot Mocha Host
Pontuação - 9
Mocha Host Logo
Mocha Host

Mocha Host

Soho
$1.96 /Por mês

Avaliações 1235

39 Cupons

Locais do servidor


Mocha Host Servers in NetherlandsPaíses Baixos Mocha Host Servers in ChicagoEstados Unidos Mocha Host Servers in AustraliaAustrália Mocha Host Servers in CanadaCanadá Mocha Host Servers in ChinaChina Mocha Host Servers in United KingdomReino Unido
Comparar
Trust Pilot 365 Hosts
Pontuação - 9.8
365 Hosts Logo
365 Hosts

365 hosts

cPanel Hosting 1
$4.36 /Por mês

Avaliações 82


Locais do servidor


365 Hosts Servers in LondonReino Unido 365 Hosts Servers in United StatesEstados Unidos
Comparar
Trust Pilot Peoples Host
Pontuação - 9.6
Peoples Host Logo
Peoples Host

Peoples Host

Peoples Basic ()
$8 /Por mês

Avaliações 51


Locais do servidor


Peoples Host Servers in OrlandoEstados Unidos
Comparar
Trust Pilot uHost Africa
Pontuação - 8.4
uHost Africa Logo
uHost Africa

uHost Africa

Unlimited Hosting
$6.99 /Por mês

Avaliações 15


Locais do servidor


uHost Africa Servers in ManchesterReino Unido uHost Africa Servers in Cape TownÁfrica do Sul
Comparar
Trust Pilot uHost Africa
Pontuação - 8.4
uHost Africa Logo
uHost Africa

uHost Africa

Unlimited Hosting
$6.99 /Por mês

Avaliações 15


Locais do servidor


uHost Africa Servers in ManchesterReino Unido uHost Africa Servers in Cape TownÁfrica do Sul
Comparar
Trust Pilot HosterPK
Pontuação - 8.2
HosterPK Logo
HosterPK

HosterPK

Plan I
$17.34 /Anual

Avaliações 141


Locais do servidor


HosterPK Servers in United StatesEstados Unidos
Comparar
Trust Pilot qbic.co.uk
Pontuação - 7.6
qbic.co.uk Logo
qbic.co.uk

qbic.co.uk

Qbic Internet Solutions Starter Plan
$2.48 /Por mês

Avaliações 2

Comparar
Trust Pilot Online Trouble Shooters
Pontuação - 7.4
Online Trouble Shooters Logo
Online Trouble Shooters

Solucionadores de problemas online

SZ - 1
$14 /Anual

Avaliações 2


Locais do servidor


Online Trouble Shooters Servers in IndiaÍndia
Comparar
Trust Pilot Resellbox
Pontuação - 7.4
Resellbox Logo
Resellbox

Revenda

SH-Starter
$1.51 /Por mês

Avaliações 2


Locais do servidor


Resellbox Servers in AmsterdamPaíses Baixos Resellbox Servers in IndiaÍndia
Comparar
Trust Pilot Target Host
Pontuação - 7.4
Target Host Logo
Target Host

Host de destino

Startup
$6.76 /Por mês

Avaliações 4


Locais do servidor


Target Host Servers in United StatesEstados Unidos
Comparar
Trust Pilot 365 eZone
Pontuação - 7
365 eZone Logo
365 eZone

365 eZone

Linux Standard Plan
$0.95 /Por mês

Comparar
Trust Pilot TFhost
Pontuação - 7
TFhost Logo
TFhost

TFhost

Corporate
$3.09 /Por mês


Locais do servidor


TFhost Servers in New YorkEstados Unidos TFhost Servers in NigeriaNigéria
Comparar
Trust Pilot Hostek
Pontuação - 6
Hostek Logo
Hostek

Hostek

Starter
$7.5 /Por mês

Avaliações 2


Locais do servidor


Hostek Servers in United StatesEstados Unidos
Comparar
Trust Pilot Leap Switch
Pontuação - 5.8
Leap Switch Logo
Leap Switch

Leap Switch

Linux UVPS-1 plan
$8.03 /Por mês

Avaliações 7


Locais do servidor


Leap Switch Servers in KievUcrânia Leap Switch Servers in AshevilleEstados Unidos Leap Switch Servers in LisbonPortugal Leap Switch Servers in MadridEspanha Leap Switch Servers in IndiaÍndia
Comparar
Pontuação - 9.7
Host ASP.net Logo
Host ASP.net

Host ASP.net

Web hosting India Starter Plan
$0.99 /Por mês


Locais do servidor


Host ASP.net Servers in IndiaÍndia
Comparar
Pontuação - 9.4
Accu WebHosting Logo
Accu WebHosting

Accu WebHosting

Windows Personal Web Hosting
$2.99 /Por mês

19 Cupons

Locais do servidor


Accu WebHosting Servers in FranceFrança Accu WebHosting Servers in DenverEstados Unidos Accu WebHosting Servers in MumbaiÍndia Accu WebHosting Servers in AmsterdamPaíses Baixos Accu WebHosting Servers in Frankfurt am MainAlemanha Accu WebHosting Servers in SydneyAustrália Accu WebHosting Servers in LondonReino Unido Accu WebHosting Servers in PolandPolônia Accu WebHosting Servers in CanadaCanadá Accu WebHosting Servers in SingaporeCingapura
Comparar
Pontuação - 8.8
iWHOST Logo
iWHOST

iWHOST

Basic Container
$8.16 /Por mês


Locais do servidor


iWHOST Servers in Kuala LumpurMalásia iWHOST Servers in DallasEstados Unidos
Comparar

Ao projetar um site da WEB, seu conteúdo precisa estar vinculado a um serviço de hospedagem. Isso significa que imagens, vídeos, textos e outros dados ocuparão espaço virtual em servidores com conexão à internet para que possam ser acessados ​​remotamente.

 

 

what is asp.net

 

 

Os serviços de hospedagem de sites são divididos em seis categorias:


  • dedicada

  • Servidor virtual (VPS)

  • Colocação

  • Revenda

  • gratuitamente

  • Compartilhado

 

Em geral, quando se trata de hospedar o site, três fatores precisam ser considerados. Um deles é o espaço a ocupar. Isso influenciará a velocidade de processamento e o hardware usado. Em relação a este último, a única categoria em que é fornecido pelo contratante é a co-locação. O resto é de responsabilidade do data center do servidor.

 

Hospedagem de sites no Windows

 

Existem duas plataformas para quem deseja hospedar um site, Windows e Linux. É no Windows que se utiliza o ASP, ou ASP.Net, como se diz hoje. Embora seja chamado de linguagem, ASP representa um tipo de estruturação de informações como uma biblioteca, que & ldquo; traduz & rdquo; aos navegadores os diferentes tipos de comandos enviados aos servidores, que os repassam ao cliente, por meio do navegador.

 

As informações processadas pelos servidores geralmente empregam a publicação via FTP, que funciona como um e-mail, ao anexar arquivos. SSH e FrontPage são alternativas a esta forma de publicação.

 

A hospedagem ASP, portanto, deve ser entendida como uma linguagem destinada ao servidor, que atua como um "tradutor" para os diferentes navegadores dos clientes (as pessoas comuns que acessam a web diariamente). O navegador recebe dados do servidor já executado e em formato HTML.

 

Shared hosting

 

Entre as vantagens do ASP, está na sua propriedade de poder ser utilizado no sistema de hospedagem compartilhada, que é a mais utilizada pelo seu custo-benefício relativamente vantajoso em relação a outras formas de hospedagem. Nessa modalidade, um servidor gerencia informações de dezenas a centenas de sites. Isso pode reduzir o tempo de permanência no ar, ou seja, em determinados horários um determinado site pode não ser encontrado e a instabilidade do sistema.

 

Hoje, os sistemas já permitem hospedar de forma compartilhada sem problemas e ainda menos necessidade de manutenção exigida por um número maior de clientes e quase inexistente em servidores únicos e exclusivos.

 

ASP.NET Core: novidades e integração com .NET Core

 

ASP.NET Core: Se você está apenas começando na área de programação e construção de aplicativos, pode ter acabado de ouvir sobre o que é. Para começar, é preciso lembrar que essa estrutura é open source, multiplataforma e de alto desempenho. Isso significa que ele é feito pela comunidade, em conjunto com a Microsoft, e está disponível para uso público.

 

Você pode realizar muitas coisas com ASP.NET Core, aqui estão algumas delas:


  • Armazene aplicativos e serviços da Web, IoT e back-ends móveis;

  • Use ferramentas de desenvolvimento multiplataforma (Windows, macOS e Linux);

  • Execute no .NET Core ou .NET Framework.

 

Vantagens do ASP.NET Core

 

Ainda há dúvidas sobre por que usamos o ASP.NET Core. Muitos desenvolvedores continuam a usar o ASP.NET 4.x, mas nem sempre sabem que o ASP.NET Core é uma evolução disso, com mudanças que trazem uma estrutura mais enxuta e modular. Essa atualização traz benefícios que podem ser vistos a seguir:


  • Capacidade de teste;

  • Capacidade de desenvolver e executar em Windows, macOS e Linux;

  • Integração de estruturas modernas e fluxos de trabalho de desenvolvimento;

  • Sistema de configuração preparado para upload para nuvem;

  • Capacidade de acomodação para Kestrel; IIS; HTTP.sys; Nginx; Apache e Docker.

 

Os desenvolvedores que trabalham apenas com jobs direcionados para uso na plataforma Windows podem trabalhar com o .NET Framework, que não é multiplataforma, ao contrário do ASP.NET Core 2.x, que é composto de bibliotecas .NET Standard. Essas bibliotecas podem ser executadas em qualquer plataforma que implemente .NET Standard 2.0, permitindo ao programador trabalhar com diferentes plataformas enquanto ainda usa a estrutura ASP.NET.

 

Com ASP.NET Core 3.0, será possível rodar apenas no .NET Core, ou seja, no que permite o trabalho multiplataforma. Existem inúmeras vantagens em direcionar o trabalho para o .NET Core. Alguns são:


  • Multi plataforma;

  • Melhor performance;

  • Novas APIs.

 

Há um intenso trabalho da Microsoft e da comunidade de programação para reduzir a lacuna entre o .NET Framework e o .NET Core., Mas a possibilidade de multiplataforma deve ser levada em consideração, já que o crescimento de outros sistemas operacionais não para.

 

Programação ASP.NET: o que é?

 

A programação ASP.NET pode ser considerada uma versão revolucionária do ASP, sendo utilizada para a construção de aplicações web, especialmente para Web Services, e indispensável para o desenvolvimento de diversos tipos de aplicações Microsoft .NET. Excelente tecnologia de programação!

 

A programação ASP.NET serve para tornar a vida do programador muito mais simples no trabalho de desenvolvimento de aplicações web, inclusive para controle de eventos, com inclusão de controle para formulários, com alguns itens vinculados aos botões de controle. Assim, a programação ASP.NET fica mais simplificada para o programador colocar os códigos para clicar em um botão ou alterar um componente de uma lista, por exemplo.

 

A troca (envio e recebimento) de dados em XML também é simplificada com a programação ASP.NET, para SOAP, protocolo HTTP e com hospedagem no Microsoft IIS. Ou seja, é uma linguagem adaptada para Web Services.

 

Quais são os principais diferenciais da programação ASP.NET?

 

A programação ASP.NET apresenta alguns aspectos importantes que merecem ser destacados, entre os quais:


  • compilação;

  • orientação a objetos;

  • suporte para outros idiomas;

  • componentes;

  • gestão estadual;

  • facilidade para construir a camada de apresentação.

 

Compilação e orientação a objetos na programação ASP.NET

 

O framework verifica se a página foi compilada sempre que é solicitada. Se não tiver sido compilado até então, será compilado apenas uma vez. Em novas solicitações, não será necessário fazer outra compilação; com isso, a execução fica muito mais ágil.

 

Na orientação a objetos, a programação ASP.NET oferece suporte ao uso de linguagens de suporte para escrever código, em linguagens OO, que são suportadas por framework.net.

 

Controles e componentes de programação ASP.NET

 

A programação ASP.NET também é diferenciada em controles e componentes. Entre os componentes que facilitam o trabalho do programador estão:


  • controles de usuário;

  • Controles HTML;

  • calendário;

  • repetidor;

  • Grade de dados;

  • controles personalizados;

  • entre outros componentes.

 

Muitos desses controles mais complexos são encontrados apenas no ASP.NET. Assim, o programador não perde tempo escrevendo código para funções que já estão prontas.

 

O aplicativo ASP.NET é feito em XML. Se o programador fizer alguma alteração no arquivo, não há necessidade de recompilar, pois o framework identifica as novas estruturas e faz a aplicação novamente.

 

Ambiente de programação ASP.NET

 

Qualquer pessoa que tenha programado em VB - Visual Basic achará ainda mais fácil com ASP.NET. Para programar, o usuário terá que escolher um ambiente de programação Code In Page, como Visual Studio.NET, um dos mais completos.

 

Vamos começar a programar?

 

A primeira etapa antes de escrever as primeiras linhas de código é usar um PC com sistema operacional Microsoft. Certifique-se de que o Internet Information Services esteja instalado e configurado.A máquina de desenvolvimento e hospedagem de aplicativos precisa de uma estrutura. Sem a ferramenta, o aplicativo não será executado conforme o esperado.

 

Sua ferramenta de desenvolvimento, conforme declarado acima, pode ser o Visual Studio.NET. Para um programador experiente, o Bloco de notas é o suficiente. Uma opção intermediária é WebMatrix.

 

Os aplicativos também podem ser escritos com linguagens compatíveis, como é o caso com VB.NET e C #. Esta é uma grande vantagem, pois muitos programadores são usados ​​em algumas linguagens.

 

No código, o programador já pode indicar o idioma escolhido. Além de Code in Page para programar em ASP.NET, o usuário pode escolher Code Behind. Nesse segundo caso, o código C # e o código HTML são completamente separados.

 

Todos os arquivos aspx terão um equivalente em C Sharp, por exemplo, se o idioma escolhido for C #. O código HTML e os componentes ASP.NET são declarados apenas em aspx.

 

Com essas orientações, já é possível começar seu trabalho com a programação ASP.NET, uma tecnologia inovadora que tornou a vida do programador muito mais fácil e prática!

 

Programação ASP.NET: quais são as vantagens?

 

A programação ASP.NET destina-se a Web Services, uma tecnologia de programação ASP considerada revolucionária, sendo utilizada em inúmeras aplicações .NET.

 

Existem várias vantagens em usar a programação ASP.NET, do ponto de vista de quem está desenvolvendo um programa e, literalmente, escrevendo o código. Ideal e sendo a programação preferida dos desenvolvedores de aplicações WEB, o ASP.NET é mais usual para o programador e com diversas simplificações e facilidades, entre as quais:


  • Possibilidade de controlar eventos;

  • Facilidade para incluir formulários;

  • Os botões de controle podem ser incluídos nos itens;

  • Permite a troca de dados em XML de forma simplificada.

 

Os dados são enviados usando protocolos conhecidos, como HTTP e SOAP. Por ser um código que foi adaptado para funcionar perfeitamente em aplicações WEN, ASP.NET é adequado para hospedagem no Microsoft IIS.

 

Existem várias vantagens que destacam a programação ASP.NET quando se trata de compilação, orientação a objetos, componentes, gerenciamento de estado, suporte para outras linguagens e construção da camada de apresentação.

 

Tratamento de erros ASP.NET

 

Uma das transformações do ASP.NET está no tratamento de erros, que agora pode ser identificado por meio de todos os erros em uma página por meio de Try Catch Finalmente. Portanto, o desenvolvedor não perde muito tempo tentando localizar o erro e identificar o problema com o código.

 

Declaração de variáveis

 

O programador precisa declarar todas as variáveis ​​no ASP.NET, portanto, todas as variáveis ​​devem ter conteúdo definido. Se necessário, quem está escrevendo o código pode usar a função para converter os dados, essa é uma das vantagens do ASP.NET.

 

Foco no desenvolvimento em algumas ferramentas

 

Mais uma vantagem da programação ASP.NET é poder utilizar apenas Visual Studio.NET ou Web Matrix, que concentram todos os recursos necessários para o trabalho, ao contrário do ASP, que exigia um maior conhecimento do programador em relação a outras linguagens, como como VBScript ou o próprio HTML. Com ASP.NET, o programador não precisa procurar recursos em ferramentas diferentes.

 

Mais controles para a criação de páginas

 

Para banco de dados, serviço da Web e criação de página, há vários recursos de controle ASP.NET, entre os quais estão Repetidor, DataGrid, Validador, Calendário e DataList.Esses novos recursos de controle reduzem o número de linhas a serem programadas e o código é muito menor, mesmo para trabalhos realizados com datas e validade de dados.

 

Uma rápida compilação de páginas em ASP.NET

 

A compilação de páginas ASP.NET ocorre em uma DLL. Portanto, a velocidade é muito maior, chega a ser 25% mais ágil que o antigo ASP. Esse índice faz uma diferença ainda maior quando se trata de aplicações simultâneas com Scripts, com processamento que exige alto desempenho.

 

Para trabalhar com Scripts em ASP.NET várias linguagens são indicadas, como C ++, C # e Visual Basic.NET.

 

Fácil de depurar erros em ASP.NET

 

No ASP.NET, é muito mais fácil depurar erros. Assim que o problema do código é encontrado, há uma pausa temporária para você ver se há algum problema com as variáveis.

 

No ASP.NET, você acaba definindo em seu código quais são os pontos de interrupção. O programador também determina a execução da página no navegador. Todos os erros são mais fáceis de identificar e isso não será um problema para você.

 

Você gostou das diferenças e vantagens que a programação ASP.NET tem sobre ASP? Existem também outros diferenciais que você só conhecerá na prática, assim que migrar o banco de dados e começar a trabalhar com novos recursos para Web Services.

 

O futuro do .NET em 2020: um guia para desenvolvedores (com razão) sem noção

 

Deixar o marketing / comunicação .NET nas mãos de seus próprios desenvolvedores é um erro. Isso foi amplamente demonstrado quando eles começaram a preparar o que mais tarde se tornaria o .NET Core. Eles o anunciaram com mais de 2 anos de antecedência, mas parecia que seria iminente, e também o batizaram inicialmente de .NET 5, o que implicava que erasimplesmente uma nova versão do .NET 4.x, chamada para substituí-lo, quando na verdade era um framework separado, multiplataforma, open-source e conceitualmente muito diferente, embora de forma semelhante.

 

No meio, eles fizeram mais alterações de nomenclatura (por exemplo, a primeira tentativa com .NET Core, era .NET Core 5 e para piorar as coisas, ASP.NET era ASP.NET 5, sem Core ou qualquer coisa até que eles mudassem novamente, buff), deram informações confusas e levaram muitos programadores para outras plataformas. Pior de tudo, os "insiders" repetiram que estavam cometendo um erro e nos ignoraram. Por fim, eles caíram da bunda e deram a ele um nome diferente: .NET Core, o que esclareceu muito bem o importante: que era uma plataforma diferente e não uma nova versão da anterior. No meio, tivemos que fazer muito trabalho informativo (e esse é apenas o último de muitos) para esclarecer tudo isso.

 

O fato é que este ano, em maio, eles decidiram bagunçar novamente. Eles anunciaram que trabalhariam no (rufar de tambores) .NET 5! Novamente de volta à confusão.O que se busca com o .NET 5 é que todas as plataformas que a Microsoft possui (.NET Core, .NET framework "clássico", Xamarin) sejam unificadas em uma, simplificando várias coisas.

 

Para nos entender, o .NET 5 será na verdade a próxima versão do .NET Core, o que acontece é que eles removem o "Core" do nome e pulam a versão 4.0 para ir diretamente para a 5.0. Além disso, eles colocaram sob o mesmo teto tecnologias que antes só existiam no .NET tradicional, pois nessa época eles esperam ter migrado todas as APIs tradicionais (da Microsoft, é claro) para o .NET Core, e se eles não as migraram, é porque eles são obsoletos ou porque há uma API diferente e mais moderna que os substitui com sucesso.

A ideia principal buscada é melhorar a bagunça atual com o .NET, obtendo:

 

Uma única plataforma .NET unificada e um único runtime .NET que funciona da mesma forma em todos os sistemas e oferece as mesmas possibilidades em todos os ambientes de desenvolvimento, para criar aplicativos de todos os tipos: desktop, Web, móvel, nuvem, etc.

 

Expanda os recursos do .NET Core incluindo também o melhor do .NET tradicional, Xamarin e até do Mono.

 

Tenha uma única base de código e não várias separadas, como acontece agora.

 

Em teoria, isso é ótimo, pois no .NET 5 todos os desenvolvimentos compartilharão o mesmo tipo de arquivos de projeto, o mesmo tempo de execução, os mesmos recursos de linguagem e terão acesso às mesmas APIs, independentemente do tipo de aplicativo que você está construindo. E tudo isso combinado com os excelentes recursos que o .NET Core oferece hoje: plataforma cruzada, desempenho muito superior, menos uso de memória, modularidade para usar apenas o que você precisa, facilidade de execução lado a lado. Ele também terá interoperabilidade simples com Java para todas as plataformas, interoperabilidade com Objective-C e Swift em vários sistemas operacionais, e CoreFX (o coração do .NET Core) adicionará suporte para questões como compilação à frente do tempo (estática).

 

Na realidade, existem coisas que estão sendo migradas (como o Windows Forms) que só funcionarão no Windows porque dependem de APIs de sistema presentes apenas neste sistema operacional. Outros problemas do Xamarin serão vinculados a sistemas operacionais móveis.

 

Todos os aplicativos .NET 5 usarão o CoreFX abaixo do mecanismo .NET Core, com as extensões e alterações que serão feitas nele nos próximos meses. O que eles farão para conseguir isso adiciona coisas a ele para garantir que funcione nos sites que não podem agora, basicamente aplicativos móveis com Xamarin e aplicativos da web baseados em WebAssembly.

 

.NET 5

 

Quando o .NET 5?

 

O lançamento do .NET 5 está previsto para novembro de 2020. Com certeza haverá alguns betas no final do primeiro semestre do ano, mas conhecendo a história do desenvolvimento do .NET Core, é possível que entre os betas / RCs e na versão final haverá muitas mudanças.

 

O que tudo isso significa na prática? O que isso significa?

 

Bem, é difícil dar uma resposta categórica até que a versão final seja lançada, mas existem algumas coisas que estão claras a partir de hoje:

O futuro do .NET é o .NET Core. Não importa se eles o chamam de .NET 5: ainda é .NET Core e tudo o que você aprender agora servirá mais tarde com esta nova versão.

 

O .NET 4.8 será a última versão do .NET "clássico" a aparecer e a plataforma é deixada em "manutenção". É um produto maduro e muito capaz e não está indo embora. Ele continuará a ser distribuído com o Windows (para que você sempre o tenha disponível), pois o próprio sistema depende dele e a estabilidade, segurança e correções de bugs continuarão a ser lançadas. Se você deseja um desenvolvimento sem surpresas e vinculado ao Windows, talvez ainda seja a melhor opção.

 

Após o lançamento do .NET Core 3 em setembro, nenhum outro recurso será migrado do .NET Classic para o .NET Core (ou .NET 5). Então, se você quiser usar Web Forms com ASP.NET Core, azar (ou mude para o Blazor quando estiver pronto, que se parece um pouco com um ovo para uma castanha). Se você quiser migrar um serviço WCF para .NET Core, que pena sorte: use a API da Web ou gRPC. Se você tiver projetos criados com o Workflow Foundation, melhor sorte: há uma versão Open Source do Workflow Foundation migrada para o .NET Core, mas não pela Microsoft.

 

Você não precisa (e não deve) migrar seus aplicativos atuais para .NET Core ou .NET 5, quando disponível. Eles continuarão sendo plataformas diferentes e a migração direta geralmente não é uma boa ideia.

 

Por outro lado, e esta já é uma opinião pessoal, embora não se ache muito errado, chamá-la de .NET 5 parece um erro grave. Isso confunde quem não sabe bem o que está acontecendo e pode levá-lo a pensar que se trata de uma nova versão do .NET 4. e que o que parou é o .NET Core quando é exatamente o contrário.

 

Ok, não estamos em 2016 e a confusão será menor do que então, mas teria sido tão terrível chamá-lo de .NET Core 5 e esclarecer tudo? Ou ainda obtenha um .NET Core 4 com algumas novidades e em alguns meses o .NET Core 5 com tudo o que planejam.

 

Em qualquer caso, e é isso que importa, a ideia por trás de tudo isso é boa, sabemos que o .NET Core é o futuro e que, aprendendo agora o .NET Core, nos arrependeremos de ter apostado na plataforma nem a curto nem a longo prazo desde .NET 5 será apenas .NET Core com outro nome.

 

Recursos do formulário da Web ASP.NET

 

ASP.NET tornou possível desenvolver aplicativos usando um modelo GUI abstraindo o conhecimento de HTML, o mecanismo de comunicação HTTP, a troca de dados entre o navegador e o servidor, etc. Quanto ao design da página, o HTML pode ser escrito diretamente como o ASP anterior, mas o design da página por GUI pode ser feito usando um ambiente de desenvolvimento como o Visual Studio. Além disso, a programação orientada a eventos é realizada usando um mecanismo chamado PostBack que usa o mecanismo HTTP POST.

 

Embora o mecanismo interno seja abstraído, na verdade ele usa modelos convencionais como HTML, HTTP e JavaScript, portanto, tem a vantagem de poder ser exibido em um navegador da Web da mesma forma que um aplicativo da Web normal. No entanto, por outro lado, ainda é necessário considerar as restrições dos navegadores da Web e do HTTP ao desenvolver, portanto, não é uma varinha mágica que permite que programadores que não entendem de aplicativos da Web desenvolvam aplicativos da Web.

 

Além de reconhecer o navegador e gerar o HTML ideal, ele compila e armazena em cache apenas quando houver uma alteração em relação àquela executada da última vez no momento da execução, para que a velocidade de processamento seja melhorada em relação ao ASP.

 

ASP pode ser chamado de SSI, mas ASP.NET não.

 

Comportamento ASP.NET

 

No IIS, o ASP.NET executa um arquivo chamado aspnet_isapi.dll usando ISAPI. Muitas configurações comportamentais do ASP.NET usam arquivos * .config. Basta colocar os arquivos pré-compilados ou DLL ou descompilados no diretório especificado e ele funcionará.

 

Muitas das classes usadas no ASP.NET são definidas nos seguintes namespaces:


  • System.Web

  • System.Web.UI

 

Idiomas disponíveis em ASP.NET

 

No Visual Studio, Visual Basic e C # são selecionados como linguagem padrão, mas como eventualmente funcionará com assemblies compilados, funcionará com linguagens compatíveis com .NET, como C ++ / CLI e JScript.NET. Se você tiver um, poderá escrevê-lo em vários idiomas.

 

Extensão

arquivo aspx:Página de formulário da web geral

arquivo asax:Criação de lógica de nível de aplicativo e tratamento de eventos

arquivo ascx:Usado ao usar o controle de usuário original em uma página da web

arquivo ashx: Crie seu próprio gerenciador de HTTP

arquivo asmx: Construção de página de serviço da Web

arquivo axd: Arquivos para rastreamento no nível do aplicativo

arquivo do navegador:Um arquivo que armazena a configuração do navegador que o site permite

arquivo de configuração: Arquivo de formato XML que descreve as configurações do aplicativo da web

arquivo cs / vb: Arquivo fonte antes da compilação. O primeiro é escrito em linguagem C # e o último em linguagem Visual Basic

arquivo mestre:Arquivo de página mestra que define um design uniforme para a página

arquivo de mapa do site: Arquivo de configuração do Sitemap

arquivo de skin: Construindo temas para páginas da web

arquivo resx: Arquivo de recursos para internacionalização (globalização) e localização (localização) de arquivos

 

Estrutura de diretório

 

App_Code: Diretório para colocar arquivos de origem como * .cs e * .vb

App_LocalResources: Diretório para colocar arquivos regionalizados separados individualmente

App_GlobalResources: Diretório para colocar recursos (* .resx) para localizar muitas páginas

App_Themes: Diretório onde esses arquivos são colocados

App_Browsers: O diretório onde o arquivo * .browser é colocado para colocar a definição do navegador de acordo com as especificações do site.

Bin: Diretório usado para colocar arquivos binários usados ​​em ASP.NET

 

.NET Core para desenvolvedores .NET

 

Vamos analisar uma aplicação MVC. NET Core, falando a linguagem de um desenvolvedor .NET. Isso significa que tudo o que você ler aqui será uma comparação entre a funcionalidade de ambas as tecnologias.

 

O que faremos?

 

Vamos criar um novo projeto MVC no .NET Core, chamado FSL.NetCoreBasics, e comparar os principais recursos com o .NET Framework, como os listados abaixo:


  • Estrutura do projeto

  • Diretório virtual

  • Visualizações e HtmlHelpers

  • Controladores e ações

  • Rotas

  • Arquivo web.config

  • Injeção de dependência

 

Criação do projeto MVC em ASP.NET Core

 

Criar um projeto MVC no .NET Core usando o Visual Studio 2017 é virtualmente idêntico ao MVC no .NET Framework. Para fazer isso, basta escolher ASP.NET Core Web Application na primeira tela e, na segunda tela, escolher Web Application e pronto.

 

Estrutura do projeto em ASP.NET Core

 

A primeira coisa que vemos ao criar um aplicativo da web MVC no ASP.NET Core é a falta da web. arquivo de configuração. E então, encontramos duas novas pastas, uma chamada wwwroot e a outra Dependências. Finalmente, vemos um novo arquivo chamado appsettings.json.

 

A pasta Dependências no .NET Core foi fácil de entender, é a mesma lógica da pasta Referências no .NET Framework.Na pasta www-root. Mas também era fácil, pois contém os mesmos tipos de arquivos que a pasta Content no .NET Framework. Por enquanto, tudo bem.

 

Por fim, clique no arquivo appsettings.json e, por ser um .NET Framework usado, tem o mesmo nome da classe AppSettings, usada para configuração na web. arquivo de configuração.

 

Virtual Directory

 

A próxima etapa agora é compilar o aplicativo e criar o diretório virtual no IIS. Vamos para as propriedades do projeto MVC e vá para a guia Web.

 

Se você tentou encontrar um guia da web para configurar o IIS no .NET Core! No .NET Framework, temos uma guia de propriedades chamada Web para criar o diretório virtual no IIS e outras configurações.

 

Uma das novidades e principais objetivos do .NET Core é não precisar da dependência do IIS ou do Sistema. Biblioteca da web. É por isso que não temos um diretório virtual neste caso. É possível desenvolver um aplicativo da Web sem esforço que seja executado no Windows, Linux e Mac.